Aspectos Geográficos

Barra do Piraí é um municípiobrasileiro do estado do Rio de Janeiro. Localiza-se a uma latitude 22º 28' 12" sul e a uma longitude 43º 49' 32" oeste, estando a uma altitude de 363 metros. Sua população, segundo o Censo de 2010, é de 94.855 habitantes.

 

Dados Geográfico

Área:Possui uma área de 582,1 km².

Localização Geográfica: Localizada no centro da região
Sul Fluminense, fica a uma distância da cidade do Rio de Janeiro de aproximadamente 100 km. Faz fronteira com os municípios de Valença, Vassouras, Mendes, Piraí, Pinheiral, Volta Redonda e Barra Mansa.

Distritos: Barra do Piraí é composta de 6 distritos: Barra do Piraí (sede),
Ipiabas, Vargem Alegre, Dorândia, São José do Turvo, Califórnia da Barra.

Origem do nome: O nome do município é devido ao fato do
rio Piraí desaguar no Rio Paraíba do Sul.


História

O povoamento de Barra do Piraí teve início em terras de sesmarias doadas em
1761 e 1765 a Antônio Pinto de Miranda e Francisco Pernes Lisboa. Com área de uma légua em quadra, ficavam situadas nas margens direita e esquerda do rio Piraí, em sua confluência com o Paraíba do Sul. Os primeiros colonizadores foram membros das famílias Faro e Pereira da Silva. Grandes senhores de escravos, dedicaram-se à agricultura e, em pouco tempo, dominaram a região cafeeira, serra acima. Em 1853 as primitivas sesmarias ficaram interligadas pela ponte que o comendador Gonçalves Morais mandara construir. Perto dela levantou-se o Hotel Piraí, e mais tarde novas edificações. A esse tempo, na margem oposta do Paraíba, os comendadores João Pereira da Silva e José Pereira de Faro, futuro barão do Rio Bonito, erguiam o pequeno povoado de Santana. O rápido desenvolvimento do lugar, onde se realizavam grandes transações comerciais, propiciou a inauguração de uma estação da Estrada de Ferro Central do Brasil, a 7 de agosto de 1864. Em seguida iniciou-se a construção dos ramais mineiro e paulista.


Resumo - Divisão Administrativa

Decretos nº 50 (19 de Fevereiro de 1890) e nº 59 (10 de Março de 1890)
    Barra do Piraí, Dores do Pirahi , Turvo, Mendes e Vargem Alegre.

Em 1911
    Barra do Piraí, Dores do Piraí, Turvo, Mendes e Vargem Alegre.

Em 1933
    Barra do Piraí, Nossa Senhora das Dores do Piraí, São José do Turvo, Mendes e Vargem Alegre.

Decreto-lei estadual nº 392-A (31 de Dezembro de 1938)
    Barra do Piraí, Nossa Senhora das Dores, São José do Turvo, Mendes e Vargem Alegre.

Decreto-lei nº 641
    Barra do Piraí, Nossa Senhora das Dores, Turvo, Mendes e Vargem Alegre.

Decreto-lei estadual nº 1056 (31 de Dezembro de 1943)
    Barra do Piraí, Conservatória, Ipiabas, Mendes, São José do Turvo, Vargem Alegre e Dorândia (ex- Nossa Senhora das Dores).

Em 20 de Junhode 1947
    O distrito de Conservatória é transferido para Valença.

Lei estadual nº 1559 (11 de julho de 1952)
Desmembra-se Mendes (elevada a município).

Em 1 de Julhode 1960
    Barra do Piraí, Dorândia, Ipiabas, São José do Turvo e Vargem Alegre.

Hoje em dia
    Barra do Piraí, Califórnia da Barra, Dorândia, Ipiabas, São José do Turvo e Vargem Alegre.


Dados Políticos

Foi a primeira cidade emancipada no regime republicano. Sua emancipação deu-se em 10 de março de 1890 e seu emancipador foi José Pereira de Faro, o Terceiro Barão do Rio Bonito.


Calendário Oficial

10 de Marçode 1890- Data da emancipação de Barra do Piraí.

26 de Julho - Dia da Padroeira da cidade. Nossa Senhora Santana.


Transportes

Rodoviário: Linhas Municipais, Linhas Intermunicipais e Inter-estaduais.

Barra do Piraí é cortado pela Rodovia Lúcio Meira (BR-393), a Antiga Rio-Bahia e tem ligação com a Rodovia Presidente Dutra por meio da RJ-145.

Em junho de 2008 algumas empresas associadas ao Sindpass, colocaram á disposição dos usuários de transporte coletivo o sistema de bilhetagem eletrônica, com previsão de extinguir á longo prazo o vale-transporte de papel.


Ferroviário

Barra do Piraí é cortado pela Rodovia Lúcio Meira (BR-393), a Antiga Rio-Bahia e tem ligação com a Rodovia Presidente Dutra por meio da RJ-145. Orgulha-se de ter sido o maior entroncamento ferroviário da América Latina, dando acesso ao Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte. Por suas terras passavam duas importantes linhas ferroviárias: a Estrada de Ferro Central do Brasil e a Rede Mineira de Viação. Atualmente a malha ferroviária é concessão da MRS Logística. O uso atualmente é para o transporte de minério e carga. A Rede Mineira de Viação é extinta e atualmente aonde passava a ferrovia existem casas, não restando nada do que outrora foi a Rede Mineira.

 

Até o ano de 1996 a Central operava a Linha Barrinha que ligava Japeri e Barra do Piraí e passava pelas estações: Mário Belo, Engenheiro Gurgel, Palmeira da Serra, Paulo de Frontin, Humberto Antunes, Mendes, Martins Costa, Morsing e Santana da Barra.


Aeroviário

Barra do Piraí não possui aeroportos. A única pista de pouso existente pertence ao Hotel Fazenda Ribeirão, uma pista com dimensões de seiscentos metros por dezoito metros,com piso de grama. O município é beneficiado com a futura construção do Aeroporto Regional do Vale do Aço na região que compreende os municípios vizinhos de Piraí e Volta Redonda.


Economia

Principais atividades:agricultura, indústrias metal-mecânicas e pecuária.

O município possui atualmente 303 indústrias e 2621 empresas instaladas, dentre as quais destaca-se a Casa do Arroz como maior empregador de salário mínimo da cidade. A economia da cidade baseia-se também no comércio, onde estão presentes várias empresas de renome nacional como: Casas Bahia, Ponto Frio, Lojas Cem. Depois de longo período abandonado o galpão da CASERJ na BR-393 vai abrigar em seus 4050 metros quadrados o CONDEBAP (Condomínio Empresarial de Barra do Piraí), o galpão foi cedido em 25 de junho de 2008 pelo governo do Estado á Prefeitura Municipal de Barra do Piraí. As principais indústrias presentes na cidade são:

Metalúrgica Barra do Piraí (MBP) - BR Metals - Usinas Itamaraty - Maüser - Entre outras…

Nas décadas de 70 e 80, Barra do Piraí viveu momentos áureos em sua economia com o crescimento da indústria alimentícia (Belprato). Mas a liderança econômica de Barra do Piraí foi abalada mesmo pelos seguintes fatores:

A criação da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e o crescimento da cidade de Volta Redonda.

A construção da Rodovia Presidente Dutra, fazendo com que o transporte para o Vale do Paraíba deixasse de ser apenas ferroviário, como até então.

A extinção dos trens de passageiros feita pelo presidente Jânio Quadros em 1961.


Saúde

Principais hospitais da rede pública:

Casa de Caridade Santa Rita de Cássia (Santa Casa)

Hospital Maternidade Maria de Nazaré (Hospital da Mãe Pobre)

Cruz Vermelha Brasileira - Filial Barra do Piraí

Casa de Saúde e Maternidade São Vicente de Paula

Barra do Piraí conta com diversas clínicas e consultórios particulares.
 

Educação

O Centro Universitário Geraldo di Biasi (UGB) é umas das instituições de ensino superior da cidade, apresenta uma ampla variedade de cursos como: Biomedicina, Educação Física, Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Engenharia Mecânica, Administração, Letras, Gestão Ambiental, Gestão em Logística, Gestão em Recursos Humanos, Gestão em Turismo, História, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Artes (Teatro e Artes Visuais), Computação, Enfermagem, Matemática, Pedagogia e Serviço Social.

Há também no município uma unidade do CEDERJ, sendo essa semi-presencial, que oferece os cursos de pedagogia e tecnologia de sistemas de computação, creditados pela UFF, UFRJ, UNIRIO, entre outras.


Segurança pública e defesa civil

Polícia Militar

O policiamento ostensivo da cidade está a cargo da 1ª Companhia do
10º Batalhão de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (10º BPM/1ªCia), com sede no Centro da cidade, contando Barra do Piraí, ainda, com cinco Destacamentos de Policiamento Ostensivo, em seus distritos de Ipiabas, Califórnia, São José do Turvo, Dorândia e Vargem Alegre.

Polícia Civil

A
Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro mantém no município a 10ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (10ª CRPI) e a 88ª Delegacia Policial (88ª DP), subordinada àquela coordenadoria.

Guarda e Defesa Civil Municipais

A prefeitura também possui uma equipe de
Defesa Civil, para monitoramento e auxílio da população em caso de desastres naturais, bem como mantém uma Guarda Municipal, responsável pela vigia do patrimônio público e organização do trânsito na cidade.

Corpo de Bombeiros Militar

O município é assistido pelo 1º Destacamento do 22º Grupamento (22ºGBM/1º DBM) do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro.


Turismo

Barra do Piraí faz parte da região Vale do Ciclo do Café. Tendo como principais eventos:

Circuito de Outono: Café, Cachaça e Chorinho;

Festival Vale do Café;

Exposição Agropecuária de Barra do Piraí.

Os principais pontos turísticos da cidade são:

Beco da Carioca;

Catedral de Santana;

Igreja São Benedito;

Igreja Santo Cristo dos Milagres;

Chaminé da Rede Ferroviária;

Casa da Princesa;

Aldeia das Águas Resort (antigo Águas Quentes);

Ponte Presidente Getúlio Vargas (Ponte Metálica);

Santuário da Concórdia;

Cachoeira de Ipiabas;

Rio Piraí e Rio Paraíba do Sul;

Fazendas históricas da época do Café e os ateliers de artesanato.
 

Polo Audiovisual

O Polo Audiovisual de Barra do Piraí é uma estratégia da Prefeitura Municipal, através da qual cria uma política pública de desenvolvimento baseada na economia criativa. Tem como objetivo transformar Barra do Piraí na Cidade do Audiovisual e, dentre suas ações, busca atrair produções audiovisuais para a cidade, qualificar mão de obra, formar platéia e gerar conhecimento. Barra do Piraí foi o primeiro município do estado do Rio a assinar com a Filme Rio - Rio Film Commission (FR-RFC), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Cultura (SEC), um acordo cujo objetivo é estabelecer uma articulação e cooperação entre o Governo do Estado e os municípios, de modo a promover e estimular produções audiovisuais nacionais e estrangeiras no Rio de Janeiro Por meio do Acordo de Cooperação Técnica, a FR-RFC apoiará o município na criação das condições necessárias para atrair produções audiovisuais, como filmes, documentários, animações 2D e 3D, séries de televisão e comerciais. O Acordo foi assinado em 1º de junho de 2010 no Rio de Janeiro.
O município possui 3 emissoras de rádio: Rádio Barra do Piraí AM, RBP FM e Rádio Califórnia FM.

JoomShaper