Ponte da Roseira está na última etapa antes do início das obras, diz secretário

WhatsApp_Image_2017_12_01_at_17.39.27.jpeg

 

O secretário de Obras, Wlader Dantas Pereira, informou nesta segunda, 4, que a Prefeitura de Barra do Piraí está prestes a obter a liberação para que a nova ponte de acesso ao bairro Roseira possa, de fato, começar a ser construída. De acordo com o titular da pasta, a última etapa para início efetivo dos trabalhos será a conclusão do projeto de demolição da ponte atual, exigido pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Na semana passada, diante da insistência de moradores em trafegar pela via, mesmo com a proibição por parte da Defesa Civil, a ponte cedeu um pouco mais, o que agravou a situação e aumentou o risco de desabamento.

 

Wlader afirmou que o governo municipal já tem, inclusive, o recurso necessário para a obra, uma vez que essa é uma prioridade para o prefeito Mario Esteves. “O projeto da nova Ponte da Roseira está pronto, e conta com mão dupla e passarela para pedestres. No dia 7 de novembro, estive pessoalmente na sede do Inea, para tirar dúvidas quanto à execução da obra, já antecipando qualquer impedimento que o órgão poderia fazer. Na ocasião, o Inea apresentou a exigência de um projeto de demolição da via, prevendo como será o transporte e onde serão descartados os restos da ponte antiga”, explicou.

 

O gestor frisou que o projeto exigido pelo Inea está sendo finalizado. “A partir disso, a Secretaria de Obras dará entrada solicitando a liberação da demolição e a construção da nova Ponte. A prefeitura está empenhada em reduzir todos os transtornos que poderão afetar o bom andamento da execução para implantar a nova ponte. Por exemplo, a Light já está ciente da remoção da rede elétrica, o processo para contratação da empresa que irá fazer o estaqueamento já está na Secretaria de Planejamento e já fizemos contatos com empresas que prestam serviços de guindastes, que serão usados para retirar a ponte existente e instalar a nova ponte”, assinalou.

 

A Defesa Civil reforça aos moradores o alerta de que está proibido o tráfego pela ponte, que apresenta risco iminente de queda, ainda mais depois do ocorrido na semana passada. Já a Secretaria de Serviços Públicos iniciará uma ação de melhorias na via alternativa de acesso ao bairro, para garantir que a rua fique em condições adequadas, apesar de se tratar de uma estrada vicinal, ou seja, de chão, sendo afetada frequentemente pela chuva.

JoomShaper